Na beira do caos

09/06/2009

O Botafogo amarga a 18ª posição no Campeonato Brasileiro de 2009 e muito tem se falado que se um resultado positivo não acontecer no próximo sábado, contra o Santos no Engenhão, Ney Franco poderá ser demitido. Penso que se isso realmente se realizar o time carioca estára fazendo uma grande besteira, além de jogar a pré-temporada no lixo.

A manutenção de técnicos durante toda a temporada já se mostrou uma estratégia bem feita, vide o São Paulo nos últimos três anos. Mais importante ainda é manter um treinador do calibre de Ney Franco: ele arrumou um time em pedaços, manteve-se no cargo mesmo com outra propostas e indicou jogadores que cabiam no orçamento no clube, ficando à frente do Fluminense (que gastou milhões) no campeonato carioca.

Pense: quem será contratado caso Ney Franco saia? O Botafogo não tem dinheiro pra tirar nenhum treinador em atividade dos grandes e médios da Série A, Silas do Avaí talvez, mas este recusou uma proposta do Sport recentemente, dizendo querer ficar no time catarinense. Geninho? Nelsinho Baptista? PC Gusmão? O atual treinador é melhor que todos e já provou conseguir fazer o próprio Botafogo reagir no campeonato passado. O Brasileirão só está começando; Michael (ex-Palmeiras, Santos e Dínamo de Kiev) ainda vai estrear, Reinaldo está se recuperando e fala-se na contrataçao de alguns jogadores como Marquinhos (Palmeiras) e Damián Diaz (Boca Juniors). Nenhum deles merece a alcunha de salvador da pátria, mas é bom lembrar que no primeiro semestre o craque do time foi Maicosuel…

Demitir Ney Franco pode deixar o Botafogo numa situação ainda pior, ou como o próprio diria:

Rodrigo Giordano